Isaías Rocha

Compromisso com a verdade, compromisso com você

Isaías Rocha - Compromisso com a verdade, compromisso com você

Empossada diretoria do Sindicato dos Advogados do Maranhão

Tomou posse ontem, em evento na Churrascaria Sal e Brasa, a nova diretoria do Sindicato dos Advogados do Maranhão (SAMA). O advogado criminalista Mozart Baldez assume a presidência da instituição até 2019. Também foram empossados na solenidade os 28 membros da diretoria executiva, do conselho deliberativo e membros suplentes. O SAMA atuará em defesa dos direitos  e interesses coletivos e individuais da categoria, que abrange os advogados, estagiários e bacharéis, com ou sem registro na OAB, que tenha vínculo empregatício ou estatutário, para a busca de condições de trabalho justas para todos os seus representados.

Além do advogado Mozart Baldez como presidente, a direção do Sama, que ficará no quadriênio 2015/2019, é formada pelos advogados: Danilo Giuberti Filho (vice-presidente), Marco Aurelio Haikel (secretário), Gardênia Batista Alvesandrade (secretária adjunta), Raniere Vasconcelos Brito (procurador), Tufi Maluf Saad (tesoureiro), e Eva Biannca Fernandes Cruzlopes (diretora social), que são membros efetivos da diretoria executiva da entidade.

Os demais integrantes são: Francisco Jose Ramos da Silva, Luciane Silva Calvet, Bartira Mouzinho Lima, Helio Viana, Elias Haickel Neto, Luis Fernando Carvalho Pires e Jannaina Vanessa Mota Gouveia, que formam os suplentes da diretoria executiva.

Os membros da diretoria colegiada são: Kerlington de Jesus Santos de Sousa, Eduardo Moraes da Cruzthais Souza Saad Deiró, Ernesto Lopes Gomes, Samira Abreu Dualibe Ramalho, Victor Rabelo Abdala, Egídia da Gama Fonseca, Magno Jorge Diniz Haickel, Danielle Fonseca Coelho e Paulo Ricardo Oliveira Correa.

O conselho fiscal: é composto pelos advogados Fabrício Pinheiro dos Praseres, Elizânia Ribeiro de Lima Carvalho e Heron de Jesus Garcez Pinheiro. Os membros suplentes do conselho fiscal são: Lidimar Andrade Carvalho e Ítalo De Sousa Bringel.

LINHA DIRETA COM O PRESIDENTE
Mozart Baldez diz que a entidade surgiu para defender a categoria. Ele explicou que para que a representação sindical do SAMA torne-se cada vez mais forte e abrangente, é importante a participação de todos os advogados (as), daqueles que trabalham principalmente, em empresas privadas, de economia mista e dos autônomos.

“O SAMA foi fundado para congregar os interesses básicos dos profissionais do direito, sejam os trabalhistas, os corporativos, os profissionais e acima de tudo para garantir o princípio basilar do exercício da advocacia. A meta é ter representatividade efetiva nas questões relativas às relações do trabalho e ainda buscar a defesa dos interesses dos advogados (as) nos mais diversos campos, sem esquecer o compromisso histórico que o direito é braço forte da justiça social”, declarou.

MAIS INFORMAÇÕES
Para se filiar ao SAMA é necessário preencher a Ficha de Filiação Sindical disponível no site da entidade: http://sindadvogadosdoma.com.br/filie-se. Após o preenchimento, o SAMA encaminhará um e-mail confirmando a sua filiação.

Divulgada nova lista de aprovados no seletivo de saúde de Caxias

Mais 186 profissionais que participaram do seletivo do Hospital Regional de Caxias Dr. Everaldo Ferreira Aragão foram convocados. O segundo chamamento é em decorrência de desistências e casos de falta de comprovação documental necessária dos primeiros classificados convocados anteriormente.

Nos dias 3 e 4 de dezembro, os convocados na segunda chamada deverão entregar os documentos comprobatórios para a admissão que constam no edital, diretamente no Hospital Regional Dr. Everaldo Ferreira Aragão, localizado na BR-316, s/n°, bairro Baixa Funda, Caxias, MA. O horário será das 9h30 às 17h30

O Hospital Regional de Caxias Dr. Everaldo Ferreira Aragão, atenderá a população de 539.084 pessoas que vivem em 11 cidades da Região dos Cocais.

Para acessar a lista, clique aqui.

Renegociação de dívidas começa nesta segunda

Durante toda esta semana interessados terão a chance de resolver pendências financeiras no I Balcão de Renegociação de Dívidas, que será realizado no Centro de Convenções Pedro Neiva de Santana, no Multicenter Sebrae, na Avenida Jerônimo de Albuquerque, Cohafuma, em São Luís-MA. O evento começa às 9h desta segunda-feira e vai até a sexta-feira da mesma semana.

O Núcleo de Conciliação do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJ-MA), responsável pelo evento, divulgou que estarão presentes Alvorada Motos, Banco do Brasil, Bradesco, Caema, Caixa, Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL), Centro de Apoio aos Pequenos Empreendimentos (Ceape), Claro/Sim, Dalcar, Faculdade Facam, Faculdade Pitágoras, Fecomércio, Itaú, Gabryella, Mapfre Seguros, Marcopol, Mateus Supermercados, NET, Oi, Secretaria da Fazenda (Sefaz), Secretaria Municipal da Fazenda (Semfaz) e Sindicato das Indústrias da Construção Civil (Sinduscon).

A Secretaria Municipal da Fazenda (Semfaz), órgão vinculado à Prefeitura de São Luís, informou que o contribuinte vai poder renegociar dívidas referentes a IPTU, ISSQN, Alvará e ITBI. No local serão prestadas informações também sobre a nota fiscal eletrônica.

“Queremos assegurar ao cidadão a oportunidade de saldar débitos, de acordo com sua capacidade de pagamento, resgatando, assim, a condição de consumidor sem restrições, o que possibilitará seu retorno ao mercado de consumo. Para isso, contamos com o apoio incondicional dos parceiros para apresentarem boas propostas, durante o evento”, declarou o juiz Alexandre Abreu, um dos idealizadores do evento.

Para poder renegociar as dívidas, o visitante deve apresentar documentos pessoais (cópias e originais) e comprovantes da dívida em questão como boletos.

Mais informações podem ser obtidas pelo Telejudiciário: 0800-7071581.

Corpo do poeta Nauro Machado é sepultado em São Luís

O corpo do poeta e escritor maranhense Nauro Machado foi sepultado no cemitério do Gavião, no bairro Madre Deus, em São Luís, neste domingo (29). O cortejo fúnebre chegou ao local por volta das 11h.  Diversas autoridades estiveram presentes para prestar a última homenagem ao poeta.

Nauro Diniz Machado morreu na madrugada de sábado  ao 80 anos após passar por uma cirurgia no intestino. Segundo o laudo médico, a causa da morte teria sido “complicações clínicas devido a isquemia do trato digestivo”. Ele estava internado desde terça-feira (24) em um hospital da capital.

O poeta havia se curado recentemente de um câncer no esôfago que lutava desde 2012. Sua última obra, inclusive, foi um retratdo do sofrimento causado pela doença. “Esôfago Terminal” foi lançado em novembro de 2014.

O corpo de Nauro Machado foi velado na sede da Academia Maranhense de Letras (AML), a qual ele nunca aceitou o convite de fazer parte e se tornar um imortal. Porém, seu legado é reconhecido por todos os escritores do Maranhão.

Em agosto, a AML fez uma homenagem aos 80 anos de Nauro Machado. Na ocaisão foram relembrados momentos marcantes da sua carreira e o presidente da academia, Benedito Buzar, chegou a dizer que todo vez que havia uma vaga, Nauro era convidado para preenchê-la. “Mas, ele tem as razões pelas quais ele não quer entrar”, completou.

Benedito Buzar lamentou muito a morte do poeta e disse que ele era uma figura extraordinária, um poeta excepcional. “Ele faz parte da constelação dos grandes poetas que o Maranhão produziu na Atenas Brasileira”, disse.

O ex-Presidente da República e membro da ABL, José Sarney, também lamentou profundamente a perda de Nauro Machado. “O Maranhão perde um grande poeta. A sua vida era um poema e ele morre deixando uma obra insuperável que vai ficar na literatura maranhense e brasileira”, afirmou.

Obra
Nauro Machado era um dos mais importantes literários da história do Maranhão. Tinha 37 livros publicados, foi um poeta autodidata que retratou através da arte sua visão e sentimento do mundo. Sua obra também foi reconhecida pela Academia Brasileira de Letras (ABL).

Tinha como inspiração o cotidiano da vida maranhense, sobretudo o Centro Histórico da sua cidade natal, São Luís. Nauro publicou o primeiro livro em 1958.

Em 2002, o poeta Nauro Machado foi homenageado pela escola de samba Turma do Quinto. Com o enrredo “Nauritânia, a Poesia de Barbas Brancas”, a escola venceu o carnaval de passarela de São Luís naquele ano. A letra do samba enfatizava frases e o estilo de vida do poeta.

Em São João Batista, ex-secretário usa ‘incoerência’ para justificar exoneração

Do Blog do Udes Filho

O período de carência acabou e daqui pra frente o analista judiciário, Carlos Figueiredo, pré-candidato à Prefeitura de São João Batista, vai partir para uma cobrança mais agressiva de resultados do governo do prefeito Amarildo Pinheiro Costa (PP). O anúncio de que Figueiredo irá adotar uma postura mais incoerente ao governo que ajudou a eleger, exercendo, inclusive, o cargo de secretário de Saúde, não veio de forma clara, mas através de indiretas e intimidações em postagens de blogs que levam a sua digital.

Tido até então como ‘aliado’ de Amarildo, Carlos Figueiredo deixou a Secretaria de Saúde da gestão pepista para tentar viabilizar seu nome, visando às eleições de 2016. Tudo foi combinado como parte de uma reforma onde todos os pré-candidatos a cargos eletivos seriam afastados para que se viabilizassem sem a utilização da máquina pública. O blog apurou, consultando fontes joaninas, que isto não foi feito na calada da noite ou às escondidas, mas foi feito de maneira pública e em comum acordo entre os postulantes.

O problema é que alguns não conseguiram se viabilizar como pré-candidatos e agora tentam retornar aos cargos de olho justamente nos recursos públicos das pastas. Afinal, seria mais fácil usar o cargo para fazer campanha com o dinheiro público. E cabe ressaltar que não estou dizendo que este é o caso do analista judiciário Carlos Figueiredo. Não! Ele não! Como um profundo conhecedor da área jurídica, Figueiredo sabe dos riscos que se tem de se usar o cargo público para se viabilizar como candidato. Tenho a certeza que ele jamais faria isso!

O que se critica aqui é justamente a postura de “incoerência política” adotada pelo ex-secretário de saúde do município joanino. Como não conseguiu lograr êxito em seu projeto político, Carlos Figueiredo passou a afirmar, nas entrelinhas dos posts dos blogs, que deixou o cargo por falta de autonomia. Ora, mas o que se comenta nos quatro cantos de São João Batista, é justamente o contrário: ele recebeu uma Secretaria de porteira fechada,  contratou  no período em que esteve a frente da Pasta, centenas de pessoas, contratou médicos e auxiliares,  criou um passivo impagável para a saúde, segundo informações obtidas pelo Blog do Udes Filho.  Qual seria então a falta de autonomia a que se refere?

Em relação à crise pela qual passa o município, Figueiredo sabe bem as dificuldades que se tem para fechar a folha de uma Secretaria como a da Saúde, por exemplo. Qualquer cidadão leigo sabe que o Brasil enfrenta uma crise que assola todas as administrações municipais do país. São recorrentes contingenciamentos de verbas, reduções drásticas no FPM, além de uma série de cortes e entraves que, só quem comanda, ou já comandou como é o caso de Figueiredo, um órgão da administração municipal sabe de que se trata, pois, é parte indissociável da liturgia do cargo.

Portanto, afirmar que a gestão não esta boa, não seria nenhum demérito, considerando-se a situação atual do país, mas soube e, inclusive, já me informei disso, que o prefeito Amarildo está trabalhando muito, trabalhando firme para recuperar e retomar o crescimento. Como parte desse processo de soerguimento, por exemplo, está realizando uma reforma administrativa, sobretudo nas pastas onde os resultados foram improdutivos e negativos.

E só para encerrar esse debate sobre falta de autonomia e crise. O povo de São João Batista define hoje Carlos Figueiredo de duas formas, o pré-governo e o pós-governo. Entre o que ele era e dizia e o que ele é hoje e diz. Mas sua repentina mudança tem um motivo: o poder.

Maranhão registra dez casos de microcefalia

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) divulgou nesta quinta-feira (26) novos números de casos de microcefalia no Maranhão em 2015. Segundo o relatório, foram registrados dez casos no estado até o momento.

Os casos foram registrados nas cidades Coroatá, São Francisco do Brejão, Buriticupu, São José de Ribamar, Barra do Corda, Chapadinha, Dom Pedro. O acréscimo dos três novos casos ocorreu com o surgimento de um caso em São Luís e dois em Santa Inês.

No último dia 16 o secretário de Saúde, Marcos Pacheco descartou surto da doença no estado.

Estado de emergência
Um balanço divulgado pelo Ministério da Saúde, na última terça-feira (24), mostra que já foram notificados 739 casos suspeitos de microcefalia em 160 cidades de nove estados do país. A principal hipótese para o surto continua sendo o contágio por zika vírus – identificado no Brasil pela primeira vez em abril.

O aumento expressivo no número de casos de microcefalia na Região Nordeste fez com que o Ministério da Saúde declarasse estado de emergência em saúde pública. O maior número de ocorrências ocorreu em Pernambuco – 487. Depois de Pernambuco, os estados com mais registros são Paraíba (96), Sergipe (54) e Rio Grande do Norte (47).

Adolescente de 17 anos atira em sargento da PM em Icatu

Uma adolescente de 17 anos atirou nas costas de um sargento da Polícia Militar nesta sexta-feira (27) em Icatu, a 115 km de São Luís. Segundo informações da polícia, a tentativa de homicídio aconteceu após a adolescente ter discutido com o seu namorado, o militar Valdenir Silva Santos, 43.

De acordo com os policiais, os disparos que atingiram a região lombar do sargento foram disparados da própria pistola de Valdenir. Após a tentativa de homicídio, a adolescente ainda atirou contra o veículo da vítima.

Ferido, Valdenir Silva Santos foi socorrido e encaminhado por uma equipe do Grupo Tático Aéreo (GTA) para um hospital de São Luís e passa bem depois ter se submetido por procedimento cirúrgico. Já a adolescente foi levada para a delegacia do município após se render e entregar a arma.

Morre o poeta e escritor maranhense Nauro Machado

O poeta e escritor maranhense Nauro Machado morreu na madrugada deste sábado (28) em São Luís após realizar uma cirurgia no intestino. Ele tinha 80 anos e estava internado desde terça-feira (24) em um hospital da capital. O velório está marcado para este sábado na Academia Maranhense de Letras (AML), a partir das 10h30.

Nauro Machado era um dos mais importantes literários da história do Maranhão. Tinha 37 livros publicados, foi um poeta autodidata que retratou através da arte sua visão e sentimento do mundo. Sua obra também foi reconhecida pela Academia Brasileira de Letras (ABL).

O ex-Presidente da República e membro da ABL, José Sarney, lamentou profundamente a perda de Nauro Machado. “O Maranhão perde um grande poeta. Nauro Machado talvez tenha sido a figura que mais produziu na poesia no Maranhão dos últimos tempos. Nenhum dos nossos poetas conseguiu fazer uma obra do tamanho e da profundidade de Nauro Machado. A sua vida era um poema e ele morre deixando uma obra insuperável que vai ficar na literatura maranhense e brasileira”, disse.

Já o presidente da Academia Maranhense de Letras, Benedito Buzar, exaltou o talento do poeta. “Nauro é uma figura extraordinária, um poeta excepcional. Nauro, se tivesse saído do Maranhão, seria reconhecido nacionalmente, mesmo assim a crítica da literatura nacional também reconhece o seu trabalho. Ele escolheu ficar aqui e viver aqui ao lado do povo de São Luís. Ele sempre foi um poeta que o povo admirou e deixa um legado grande e que jamais será esquecido. Ele faz parte da constelação dos grandes poetas que o Maranhão produziu na Atenas Brasileira”, afirmou.

No início de agosto, a Academia Maranhense de Letras fez uma homenagem aos 80 anos do poeta. Ele nunca quis ser um imortal da academia, recusando todos os convites que lhe foram feitos. No dia da homanagem, o presidente da AML, Benedito Buzar, disse que Nauro Machado só não era um imortal porque não queria. “Todas as vezes que se abre uma vaga aqui, Nauro é convidado. Mas, ele tem as razões pelas quais ele não quer entrar”, disse.

Carnaval
Em 2002, o poeta Nauro Machado foi homenageado pela escola de samba Turma do Quinto. Com o enrredo “Nauritânia, a Poesia de Barbas Brancas”, a escola venceu o carnaval de passarela de São Luís naquele ano. A letra do samba enfatizava frases e o estilo de vida do poeta.

 Poesia
Uma das marcas do poeta Nauro Machado era retratar o cotidiano maranhense com simplicidade e liberdade poética. “A poesia do Nauro Machado se caracteriza pela liberdade.  Ele não se vinculou a nenhum estilo, a nenhuma escola literária. Ele tinha um domínio da técnica poética e podia se dar essa liberdade. Nauro foi um grande lírico, mas também um grande cronista”, relembrou o ex-Presidente José Sarney.

No dia 12 de novembro de 2014, o poeta tinha lançado seu último livro “Esôfago Terminal”, inspirado na sua luta contra o câncer de esôfago que começou em 2012. Nauro Machado havia se curado da doença.  No lançamento do livro ele disse:“A doença é algo inominável, inconcebível, mas acontece com qualquer um. Então, nó nos perguntamos: ‘por que eu?’. E, logo, o universo replica: ‘e por que não você?’”.

Poema do Ofício
Ocupo o espaço que não é meu, mas do universo.
Espaço do tamanho do meu corpo aqui, enchendo inúteis quilos de um metro e setenta e dois centímetros, o humano de quebra.
Vozes me dizem: eh, tu aí! E me mandam bater serviços de excrementos em papéis caídos
numa máquina Remington, ou outra qualquer.
E me mandam pro inferno, se inferno houvesse pior que este inumano existir burocrático.
E depois há o escárnio da minha província.
E a minha vida para cima e para baixo, para baixo sem cima, ponte umbilical partida, raiz viva de morta inocência.
Estranhos uns aos outros, que faço eu aqui?
E depois ninguém sabe mesmo do espaço que ocupo, desnecessário espaço de pernas e de braços preenchendo o vazio que eu sou.
E o mundo, triste bronze de um sino rachado, o mundo restará o mesmo sem minha quota de angústia e sem minha parcela de nada.

Eliziane reforça projeto de aliança com PSB, PP e PPS em São Luís

A deputada federal Eliziane Gama (Rede) foi convidada na manhã deste sábado para um café da manhã com cardápio político. A informação é do blog do jornalista Marco D’Eça.

Ela se reuniu com o líder do PPS na Câmara Federal, Rubens Bueno, na companhia também dos colegas José Reinaldo Tavares (PSB) e Waldir Maranhão (PP).

– O Rubens veio ao Maranhão para o aniversário de uma sobrinha, e me chamou para este bate-papo, com José Reinaldo e Waldir Maranhão. E, claro, conversamos sobre as eleições de 2016 – contou Eliziane Gama.

O encontro com Bueno, que havia se reunido no dia anterior com os membros do PPS, reforçou também a reaproximação de Eliziane com José Reinaldo e Waldir Maranhão.

Tanto que do próprio Tavares a articulação do café da manhã.

Os dois haviam recuado das conversas com a deputada após sua filiação à Rede Sustentável, mas se reintegraram ao projeto eleitoral da deputada.

– Tanto José Reinaldo quanto Waldir Maranhão buscam a unidade da coligação com Rede/PSB/PP e PPS e vamos seguir juntos – acredita a parlamentar.

E a aposta é que tudo se consolidar  em 2016…

Fábio Câmara destina R$ 1 milhão em emendas para o Centro de Zoonoses

O vereador Fábio Câmara (PMDB) já apresentou às suas propostas de emenda ao Orçamento do Município para o exercício financeiro de 2016. Ele destinou, ao todo, R$ 1 milhão para o Centro de Vigilância de Zoonoses de São Luís.

“O objetivo é usar os recursos com ênfase no controle de calazar e raiva e implementação de um programa de Saúde Pública animal em São Luís”, disse.

De acordo com Fábio Câmara, os recursos para a emenda podem ser deslocados da rubrica “saneamento”, do próprio orçamento.

“Espero agora o apoio dos meus pares para esta importante emenda, com forte apelo social e de saúde pública na capital”, completou.

A emenda ainda precisa ser aprovada pelo plenário da Câmara Municipal.