Isaías Rocha

Compromisso com a verdade, compromisso com você

Isaías Rocha - Compromisso com a verdade, compromisso com você

MP investiga construtora por problemas na construção de condomínios

condominio-cyrela-forquiklha

O Ministério Público do Maranhão vai investigar a conduta da construtora Cyrela a respeito de cinco empreendimentos da empresa que foram entregues com problemas estruturais graves, em São Luís. Segundo os promotores, cerca de quinze mil pessoas podem ter sido lesadas. O promotor de justiça Pedro Lino Curvelo informou que sérias penalidades podem ocorrer nesses casos.

“Essa empresa pode ser penalizada e essa penalidade pode ir desde a suspensão da comercialização dessas unidades, enquanto não resolver os problemas gerados pela má construção das unidades, como até mesmo a aplicação de multas, inclusive dano coletivo em relação a essas pessoas, no conjunto dessas pessoas que foram prejudicadas em decorrência da construção”, explicou o promotor.

Localizado no bairro da Forquilha, o condomínio Vitória São Luís possui 55 torres e começou a ser entregue em 2013 e logo os problemas apareceram. Foram rachaduras na estrutura, fiação elétrica exposta, e hidrante que não funciona. Também havia tubulação de gás ao lado das luminárias, o que pode causar superaquecimento dos canos e até explosão, segundo os Corpo de Bombeiros.

O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (IBAMA) chegou a embargar a obra em 2012 porque parte do terreno está em uma área de proteção permanente, mas a obra prosseguiu. No ano passado os moradores encontraram até um jacaré na piscina.

Candidata do concurso da PM morre após passar mal em teste no Maranhão

1517354673-34483719

Uma candidata do concurso da Polícia Militar do Maranhão (PM-MA) identificada como Daniele Nunes Silva, de 24 anos, morreu na tarde de terça-feira (30) após sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC) durante um Teste de Aptidão Física (TAF) realizado em São Luís. Daniele era natural do município de Barra do Corda, a 462 km de São Luís.

Segundo Renilton Ferreira, delegado regional de Barra do Corda, Daniele exercia a função de escrivã de polícia na cidade de Barra do Corda e tinha o sonho de ingressar na carreira policial.

“Ela atuava como funcionária administrativa e exercia também a função de escrivã de polícia. Então, ela era quem cuidava de toda parte administrativa daqui da Regional juntamente comigo, e também fazia diversos procedimentos ao meu lado. Ela tinha esse sonho de ingressar na carreira policial”, desabafou o delegado.

O delegado acrescentou que Daniele Nunes já estava trabalhando na área policial há cerca de dois anos e meio. Ele disse também que a jovem já havia prestado também o concurso para a polícia do estado do Piauí antes de ser aprovada no Maranhão.“Ela já estava conosco há dois anos e meio aproximadamente. Ela já vinha estudando há muito tempo e bem antes de sair a prova ela já vinha estudando para concursos e tinha, inclusive, prestado o concurso da polícia do estado do Piauí e agora prestou aqui do estado do Maranhão, o estado natal dela, e teve aprovação”.

O corpo de Daniele Nunes Silva, que ainda se encontra no Instituto Médico Legal (IML), na capital, será encaminhado para o município de Barra do Corpo onde será enterrado

Braide diz que gostaria de ter Hilton Gonçalo em sua chapa para governador

Eduardo Braide e Hilton Gonçalo (Foto: Divulgação)

Eduardo Braide e Hilton Gonçalo (Foto: Divulgação)

O deputado estadual Eduardo Braide (PMN) reafirmou nesta terça-feira (30), em entrevista ao programa Conversa Franca, apresentado por Diego Emir na Rádio Difusora AM, que está no páreo da disputa pelo Governo do Estado e que a definição de sua candidatura depende apenas da população, “que deve manifestar esse desejo pelas pesquisas de opinião pública”, e dos partidos políticos que desejarem formar uma aliança alternativa para a sucessão de Flávio Dino (PCdoB).

O deputado, mais uma vez, criticou a política do atual governador, dizendo que ele é uma pessoa quando pega um avião e viaja para fora do Maranhão e outra quando retorna a São Luís, pois nada do que ele diz lá fora pratica aqui.

Segundo ele, para o Brasil, Flávio Dino prega a taxação das grandes fortunas, mas para os pequenos comerciantes maranhenses ele dá arrocho tributário e perseguição fiscal, inviabilizando centenas de pequenos negócios com levantamento de suspostas dívidas com mais de cinco atrás, fazendo cobrança do pagamento desses possíveis impostos não recolhidos, com juros e multas, sob ameaça de lançar os CNPJs no Cadim e Serasa.

Enquanto isto, para aos grandes empresários dá impostos camaradas, como é o caso dos 2% de ICMS para atacadistas com capital acima de R$ 100 milhões, o que só há uma empresa nestas condições em todo o Maranhão, disse ele numa referência ao recém inaugurado Centro de Distribuição do Grupo Mateus, aberto com apenas 300 contratações, embora a lei de incentivo exija no mínimo 500 contratos.

Candidatura – Segundo o deputado, ele tem recebido muitas manifestações de dirigentes partidários para trocar de legenda, com a promessa de que sua candidatura a governador seria assegurada, mas isto ele definirá somente em março, mês em que se fecham as janelas para troca de partido.

Até lá, continuará trabalhando pelo fortalecimento do PMN, partido pelo qual disputou a eleição para prefeito de São Luís, praticamente sozinho, e por pouco não venceu.

Braide disse que fica envaidecido com as manifestações de apoio a uma eventual candidatura ao chefe do Poder Executivo, embora deixe transparecer que sua maior inclinação é por uma eleição para deputado federal e disputar a Prefeitura da Capital, em 2020, sem riscos de ficar sem mandato, mas diz que se houver uma grande corrente popular e o desejo de dirigentes partidários para que se lance a governador não fugirá do desafio.

O deputado chegou a declarar que uma possível composição com o prefeito de Santa Rita, Hilton Gonçalo (PCdoB), que já manifestou intenção de mudar de legenda para concorrer a vice-governador ou senador, seria uma excelente proposta e certamente daria ânimo a esse projeto.

“Eles não engolem o Pedro Lucas no governo”, diz deputado do PTB

O deputado federal Pedro Fernandes (PTB) concedeu entrevista à Rádio Nova Timbira 1290, na manhã do último sábado, 27, tendo afirmado que o grupo Sarney não engole de jeito nenhum a presença do vereador licenciado Pedro Lucas Fernandes (PTB) nas hostes do governo Flávio Dino (PCdoB).

Pedro Lucas, que é filho do parlamentar, preside atualmente a Agência Executiva Metropolitana e deve ser o sucessor natural do pai na disputa à Câmara Federal, nas eleições de outubro deste ano.

Na oportunidade, o deputado Pedro Fernandes reafirmou que a negativa do presidente Michel Temer (MDB) em não tê-lo nomeado ministro do Trabalho partiu mesmo do veto ao seu nome, determinado pelo ex-presidente José Sarney (MDB), por ser o petebista aliado do governador Flávio Dino.

Vereador critica ganância de empresários do setor de transportes

O líder do PSD na Câmara de São Luís, vereador Cézar Bombeiro, criticou a postura de alguns empresários do setor de transporte coletivo da capital que ainda se mostram insatisfeitos com o valor de reajuste nas tarifas de ônibus, que ficou mais cara em R$ 0,20. A passagem integrada, que antes era de R$ 2,90 passou para R$ 3,10. E a não integrada de R$ 2,70 para R$ 2,90.

Segundo o parlamentar, empresários do setor chegaram a afirmar que o menor valor de uma passagem, para que possam honrar compromissos e prestar serviços com eficiência, deveria ser superior a quatro reais, mostrando total desrespeito com a população.

“As articulações entre empresários e rodoviários tiveram o respaldo de alguns segmentos político-partidários, iniciado com o atraso nos pagamentos de salários e outros direitos de motoristas, cobradores e fiscais e estes ameaçam com movimentos paredistas”, declarou Bombeiro.

Ele ressaltou que algumas empresas alegam dificuldades financeiras e até choram miséria, dizendo que estão operando no vermelho e que não estão conseguindo honrar compromissos essenciais.

“A verdade é que depois da concorrência pública (licitação), bastante favorável aos empresários, eles não honraram até agora com seus compromissos. O serviço continua com péssima qualidade, com coletivos velhos em carrocerias novas e que diariamente deixam trabalhadores e outros usuários nas ruas e avenidas com as panes mecânicas além das viagens que são bastante demoradas e desconfortantes, e que infelizmente não sofrem qualquer tipo de punição”, afirmou o representante do PSD.

Vaqueiro é preso suspeito de participar da morte de ex-prefeito

A polícia Civil prendeu, novamente, o vaqueiro Luzivan Rodrigues da Conceição Nunes, conhecido como “Luizão”, suspeito de ter envolvimento na morte do ex-prefeito Manoel Mariano de Sousa, conhecido como “Nenzin”, o qual foi assassinado a tiros no dia 6 de dezembro de 2017.

Segundo informações da Polícia Civil, as primeiras investigações apontavam que o vaqueiro Luizão tinha participação no caso, sendo que o suspeito chegou a ser preso, mas negou as acusações e afirmou que não estava na cidade no dia do crime. Como a polícia não tinha provas de que “Luizão” estava em Barro do Corda na ocasião do assassinato, o vaqueiro teve que ser liberado.

Agora, após continuar as investigações, a Polícia Civil conseguiu obter provas de que Luzivan Rodrigues estava na cidade e seria a pessoa que acompanhou Mariano Filho, o “Júnior de Nenzin” o qual é apontado como assassino do ex-prefeito, na hora da execução.

Luzivan Rodrigues da Conceição Nunes foi preso nesta terça-feira, na cidade de Barra do Corda, e depois foi transferido para São Luís. O vaqueiro se encontra detido no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, à disposição da Justiça.

Mais sobre o caso

Mariano Filho, que é acusado de ter assassinado o próprio pai, está preso desde o dia 8 de dezembro, mas ele continua negando ter cometido o crime.

As investigações continuam no intuito de saber se há mais envolvidos, e a polícia analisa a possibilidade de fazer a reconstituição do crime, para obter mais informações sobre o caso e finalizar o inquérito.

Suspeito de cometer homicídio em Rosário é preso em São Luís

João Carlos Pereira Guimarães, 25 anos, conhecido como “Mulambo”. (Foto: Divulgação )

João Carlos Pereira Guimarães, 25 anos, conhecido como “Mulambo”. (Foto: Divulgação )

Policiais do 1° Batalhão de Polícia Militar prenderam, nesta terça-feira (30), João Carlos Pereira Guimarães, 25 anos, conhecido como “Mulambo”. O jovem é apontado como autor de um homicídio na cidade de Rosário.

Segundo informações da PM, uma equipe do Grupo de Serviço Avançado (GSA) do 1° BPM estava trafegando pela avenida dos Africanos, quando avistou João Carlos, o qual tentou fugir do local após perceber a presença da polícia.

Os policiais conseguiram deter João e, após fazer a consulta no sistema, foi constatado que contra o jovem havia um mandado de prisão em aberto, sendo que ele é suspeito de ter cometido um homicídio qualificado no dia 9 de setembro de 2015, na cidade de Rosário. E, por esse motivo, estaria se escondendo em São Luís.

Diante dos fatos, João Carlos Pereira Guimarães foi conduzido ao 10º DP no bairro do Bom Jesus, onde foi dado cumprimento ao seu mandado de prisão.

Ex-prefeito de Igarapé do Meio é condenado por improbidade

Após ação civil por ato de improbidade administrativa proposta pelo Ministério Público Federal no Maranhão (MPF-MA), a Justiça Federal condenou José Costa Soares Filho, ex-prefeito de Igarapé do Meio (MA)pela não prestação de contas dos recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef) e do Ministério da Saúde, no exercício de 2012.

De acordo com a ação oferecida pelo MPF, quando notificado, José Filho não apresentou nenhuma contestação, o que autoriza considerar, como reconhecido na decisão, a omissão da prestação de contas devidas, repassadas ao município. O gestor municipal deixou, portanto, de propiciar efetiva transparência dos atos praticados na administração de recursos públicos.

A Justiça Federal suspendeu os direitos políticos de José Costa Soares Filho pelo prazo de cinco anos e o proibiu de contratar com o poder público ou receber benefícios fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por meio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, por três anos. Além disso, o ex-prefeito de Igarapé do Meio foi condenado ao pagamento de multa civil no valor de R$ 10 mil.

Honorato e Zé Carlos apostam em unidade para fortalecer o PT no Maranhão

Honorato Fernandes e Zé Carlos se reuniram nesta terça-feira (30), para discutir a construção do fortalecimento do partido e de unidade de projeto político que coloquem o PT em outro patamar em São Luís e no MA. Ambos defendem que existe a necessidade de organização e junção de forças para que o partido seja ainda maior no Maranhão. Para que isso possa ocorrer devem ser definidas prioridades: a luta pela garantia da participação do ex-presidente Lula na eleição presidencial de 2018, a busca por ampliação da representatividade do PT na Assembleia Legislativa e na Câmara Federal, além do debate sobre participação do partido na disputa majoritária

O presidente do PT de São Luís defende a manutenção da aliança com o governador Flávio Dino (PCdoB), já Zé Carlos lembra que existe a necessidade da abertura do dialogo entre as forças que compõe a esquerda no Maranhão para que juntos possam estar fortalecidas e alinhados para a eleição desse ano. O Deputado Zé Carlos deseja e trabalha também para o reposicionamento do partido e tem provocado o debate com lideranças sobre os caminhos de 2018.

Tanto Honorato como Zé Carlos vão disputar a eleição em 2018, o primeiro vai para o cargo de deputado estadual e o segundo para a reeleição de deputado federal. Os dois estipulam como meta a eleição de quatro membros do PT para Assembleia Legislativa e duplicar a representação na Câmara Federal.

Os petistas acreditam que existindo a unidade partidária e a unidade do projeto político do PT, o partido ficará muito mais forte.

Prefeitura de Santa Rita e INCRA vão garantir crédito à população

Com o objetivo de suprir as necessidades básicas, fortalecer as atividades produtivas, desenvolver os projetos, auxiliar na construção de unidades habitacionais e atender necessidades hídricas das famílias dos projetos de assentamento, a Prefeitura de Santa Rita assinou convênio com o INCRA para garantir a oferta de crédito em duas modalidades.

A partir de agora a Prefeitura de Santa Rita vai conceder o Crédito Fomento Inicial e o Crédito Fomento Mulher.

O Crédito Fomento Mulher é concedido pelo INCRA para mulheres assentadas que são atendidas pelas ações de assistência técnica da autarquia. É necessário ter o cadastro atualizado no INCRA, estar inscrita no CadÚnico e não ter recebido crédito Apoio Mulher anteriormente.

A Prefeitura de Santa Rita informará posteriormente o início do projeto bem como os critérios adotados aos interessados.

Em reunião na sede do INCRA, o prefeito Hilton Gonçalo destacou a importância da parceria e garantiu acompanhamento técnico por parte da prefeitura.

“Hoje assinamos o termo de cooperação técnica com o INCRA representado pelo seu superintendente George Aragão, onde implantaremos os programas fomento inicial e fomento mulher. Através desta medida, as pessoas receberão uma ajuda inicial e a prefeitura prestará assistência técnica às famílias assentadas”, explicou Hilton Gonçalo.