Isaías Rocha

Compromisso com a verdade, compromisso com você

Isaías Rocha - Compromisso com a verdade, compromisso com você

Ex-juiz da Ficha Limpa quer Edivaldo Júnior fora da eleição

O ex-juiz Márlon Reis deve protocolar segunda-feira, 1º de agosto,  na Justiça Eleitoral, uma múltipla ação contra o prefeito de São Luís, Edivaldo Júnior (PDT), por uma série de crimes eleitorais cometidos pelo gestor.

O mais grave na conduta do pedetista é que não são apenas crimes praticados uma única vez; são ações recorrentes para fraudar o processo eleitoral, como abuso de poder econômico e político, conduta vedada, uso de dinheiro público para comprar apoios e aliados e propaganda eleitoral antecipada.

Na peça a ser encaminha da pelo juiz da Ficha Limpa, já estão catalogadas, inclusive, as penas previstas para cada um dos crimes, que vão desde aplicação de multa até a declaração de inelegibilidade, passando por perda de mandato eleitoral e cassação de diploma de candidato.

Márlon Reis é um dos mais respeitados juristas brasileiros em todo o mundo.

Autor da Lei da Ficha Limpa – que garantiu a moralidade e a legalidade do processo eleitoral, tirando da disputa corruptos e políticos de má-conduta – o ex-juiz coordenou também o Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral, que resultou na cassação de políticos em todos os níveis no Brasil.

Palestrante internacional, ele também é autor do livro “Nobre Deputado”, que aponta as condutas típicas de políticos mal intencionados, algumas das quais foram vistas por ele na conduta de Holandinha.

A ação contra o prefeito de São Luís é tida como uma das mais bem elaboradas peças contra crimes eleitorais já protocoladas na Justiça.

O que leva a crer numa interminável dor de cabeça para Edivaldo Júnior.

É aguardar e conferir…

Category: Uncategorized

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*