Isaías Rocha

Compromisso com a verdade, compromisso com você

Isaías Rocha - Compromisso com a verdade, compromisso com você

Cézar Bombeiro destaca aniversário de 99 anos do bairro Liberdade

César-Bombeiro-quer-que-poder-público-realize-concurso-para-Guarda-Municipal-e-crie-academia-de-capacitação-e-formação-específica.

Os 99 anos de fundação do bairro Liberdade, em São Luís, transcorridos no último dia 25, foram lembrados, na sessão de segunda-feira (29), pelo vereador Cézar Bombeiro (PSD) com uma mescla de orgulho e fé no futuro.

Em entrevista à equipe do Jornal ‘Câmara News’, informativo que vai ao ar todas as sextas, das 12h às 13h, pela Rádio Difusora AM (680), o parlamentar parabenizou todos os habitantes da Liberdade, que também se destaca como um dos maiores centros econômicos da próspera capital maranhense.

Bombeiro destacou algumas ações realizadas para comemorar o aniversario do bairro, mostrando também sua preocupação com a qualidade de vida do povo da comunidade que escolheu para morar. “Na sexta, tivemos algumas apresentações de atrações culturais para comemorar a data festiva. O nosso sentimento é de orgulho”, declarou o parlamentar do PSD.

DIA DA LIBERDADE
O vereador também comentou a sanção da lei de autoria que institui a data de 25 de maio como o “Dia do Bairro Liberdade”. A data faz alusão à fundação do bairro, que surgiu em 1918 com a criação do antigo matadouro. Nessa época, o bairro tinha um único acesso por terra, chamado Campina do Matadouro, mas o principal meio de entrada era as embarcações.

Em 1918, foi firmado um contrato entre a Prefeitura de São luís e a Companhia Matadouro Modelo. O prazo do contrato era de 25 anos, contados da data de inauguração. Durante a vigência, o contratante teria “uso e gozo do estabelecimento com todos os ônus e vantagens pactuados”. Ao fim desse prazo, o matadouro passaria ao controle da prefeitura.

O antigo Matadouro do Município de São luís estava localizado no final da rua de São Pantaleão, nas proximidades da Praia da Madre Deus. Houve a confecção de relatório sanitário, que foi elaborado por Victor Godinho, que apontou as precárias condições do espaço ao intendente municipal Luis Torres.
Em 25 de maio do mesmo ano, Torre determinou a publicação da desapropriação, no Diário Oficial do Estado, do sítio Itamaracá pela importância de 10 contos de reis e a parte nordeste e sudeste do Sítio Baixinha para a construção do Matadouro Modelo, entre a Machado Cavalcante e uma construtora do Pará.

Portanto, a data de fundação da Liberdade é 25 de maio de 1918, quando houve a desapropriação. Dessa forma, o vereador Cezar Bombeiro tenta resgatar a história do bairro.

Este ano, a data foi lembrada de forma comemorativa, com uma grande agenda e uma programação cultural com artistas locais na sexta-feira, dia 26. O ponto alto foi à apresentação do Boi da Maioba, na Praça Mário Andreaza

Category: Uncategorized

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*