Paulo Marinho se diz vítima de “perseguição” de Flávio Dino

Spread the love

O ex-deputado Paulo Marinho se manifestou hoje (29) sobre sua recente prisão e transferência para o Complexo Penitenciário de Pedrinhas por uma dívida de pensão alimentícia.

Beneficiado por uma decisão que lhe permitiu cumprir prisão domiciliar, ele agradeceu em mensagem nas redes sociais aos amigos e aliados que lhe deram apoio nos últimos dias.

“Agradecer a minha família, minha esposa Marcia, meus filhos verdadeiros, aos advogados do Maranhão, a OAB e ao Sindicato dos Advogados, ao meu irmão e amigo Senador Roberto Rocha, ao Presidente Sarney, a Roseana, a Luiza Rocha, e a todos os meus amigo s que de forma direta ou indireta manifestaram preocupação”, escreveu.

Segundo Paulo Marinho, ele passou por “momentos de terror […] fruto da perseguição implacável do Governador Flávio Dino e seus amigos”.

“Aproveito para informar que nossa posição política continua imutável contrária ao autoritarismo, a arrogância, a perseguição, e ao despreparo administrativo. Caxias jamais apoiará um governador como Flávio Dino que aqui usou a máquina pública impunemente mesmo assim saiu derrotado. A resposta para Flávio Dino está na bíblia livro negado pelo comunismo. ‘não matará’, ele bem que tentou ‘matar’ minha honra, minha reputação e a minha dignidade,,não conseguiu. Obrigado a todos mais uma vez!!! Usando um velho jargão dos meus tempos de militante estudantil na Uma ‘a luta continua’”, completou.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>