Isaías Rocha

Compromisso com a verdade, compromisso com você

Isaías Rocha - Compromisso com a verdade, compromisso com você

Vereadores irão readequar proposta sobre legalização do Uber

Vereadores deverão readequar proposta que já tramita na Casa desde 2017 (Foto: Biné Morais / O ESTADO)

Vereadores deverão readequar proposta que já tramita na Casa desde 2017 (Foto: Biné Morais / O ESTADO)

Os vereadores de São Luís voltaram a debater a proposta que prevê a regularização do aplicativo Uber. O motivo é a aprovação da Câmara Federal de matéria que dá aos legislativos municipais a autonomia para regulamentar este tipo de serviço.

O vereador Paulo Victor (PROS), autor da proposta, disse que a a Câmara Municipal de São Luís encontrará a melhor solução para disciplinar o funcionamento do aplicativo Uber na cidade.

Para o vereador, as emendas dos colegas devem ser analisadas da melhor forma para que o projeto venha contribuir com a população.

“O atual momento é que façamos uma discussão proveitosa e positiva sobre as emendas e assim promovermos um diálogo saudável, que venha contribuir para com a sociedade, envolvendo a população e as pessoas que fazem uso desse tipo de serviço”, disse.

Diferente do que pensa do parlamentar do Pros, outros vereadores acreditam que o melhor é readequar a proposta.

Diante na nova situação apresentada, o vereador Honorato Fernandes (PT) apresentou a proposta que a Comissão de Mobilidade da Câmara Municipal elabore um trabalho acerca da matéria, envolvendo a decisão da Câmara Federal e o material produzido até o momento pelos vereadores sobre a matéria.

O vereador Raimundo Penha (PDT), membro da Comissão de Mobilidade da Câmara Municipal, usou a palavra destacando que “já que nós temos uma nova legislação, teremos de ver a necessidade de adequar o que for necessário, e isso o faremos”.

A Comissão técnica, que tem também como membros os vereadores Aldir Júnior (PR) e Nato Junior (PP), segundo Penha irá se debruçar sobre o trabalho proposto, “e nos dispomos a manifestar uma decisão que venha atender a todos os segmentos, esperando dar uma resposta compatível com a nova realidade”.

Category: Uncategorized

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*