Notícias

Maranhão registra 8 mortes e 207 casos do Covid-19

O governador Flávio Dino (PcdoB) confirmou, nesta terça-feira (7), mais quatro mortes pelo novo coronavírus no Maranhão.

Em menos de 24 horas, o aumento no número de óbitos no Maranhão aumento 100% chegando a 8 óbitos, o que comprova a necessidade de manter o isolamento social.

Além do aumento no número de óbitos, os casos de Covid-19 subiram de 172 para 207 casos.

Em virtude do avanço da pandemia no Maranhão, Flávio Dino anunciará novas medidas.

“Chegamos, nesta manhã, a 204 casos confirmados de coronavírus e a 8 óbitos. Reiteramos o chamado à colaboração no que se refere ao distanciamento social. Irei editar ainda hoje medidas preventivas sobre viagens na semana santa. Precisamos evitar que o vírus se espalhe ainda mais”, destacou Flávio Dino nas redes sociais.

MP e Procon fazem alerta a instituições de ensino

O Ministério Público do Maranhão, por meio da 10° Promotoria de Justiça Especializada na Defesa do Consumidor de São Luís, e o Instituto de Promoção e Defesa do Cidadão e Consumidor do Estado do Maranhão (Procon) emitiram nesta segunda-feira (6) uma Recomendação Conjunta às instituições de ensino do estado.

O documento, assinado pela promotora de justiça Lítia Cavalcanti e pela presidente do Procon, Adaltina Queiroga, aborda o funcionamento das escolas, faculdades e cursos técnicos no período de suspensão das aulas presenciais como medida de prevenção ao novo coronavírus.

Os berçários e escolas de educação infantil deverão negociar uma compensação futura ou desconto proporcional à economia de custos obtida em decorrência da suspensão das atividades. Já as empresas que atuam na educação básica (com exceção da educação infantil), têm três possibilidades para a manutenção dos serviços.

A primeira delas, recomendada pelo MPMA e Procon, é que as aulas presenciais sejam realizadas em período posterior, com apresentação de um calendário de reposição no qual devem constar os dias letivos, horas-aula e conteúdo a ser reposto. Nesse caso, não é obrigatória a redução no valor da mensalidade, desde que garantida a prestação do serviço em outro momento.

A segunda opção é a realização de aulas não presenciais, na modalidade Ensino a Distância (EaD), de acordo com a Resolução n° 94, de 26 de março de 2020, do Conselho Estadual de Educação.

As escolas que adotarem esse sistema deverão realizar o abatimento proporcional das mensalidades de acordo com a redução de custos fixos que tenham ocorrido, como água, energia, internet, impressão, material de expediente e limpeza. Para isso, deverá ser apresentada aos contratantes uma atualização da planilha de custos das escolas.

Também deverão ser asseguradas alternativas às plataformas de videoaulas aos alunos, como pen-drives, CDs/DVDs ou mídias impressas. Se for o caso, deverão ser disponibilizados equipamentos eletrônicos aos que não possuem. A Recomendação também ressalta que deve ser preservada a qualidade do ensino, que deve ser validada pelos órgãos competentes.

A terceira possibilidade trazida pela Recomendação é a antecipação das férias escolares, com a devida apresentação de um calendário de reposição das aulas presenciais com dias letivos, horas-aula e conteúdo a ser reposto.

Nos casos em que as instituições optem por essa medida, as mensalidades deverão continuar a ser pagas de forma integral. Ao final das férias, as escolas poderão optar pelo ensino a  distância, devendo para isso garantir o aprimoramento de suas ferramentas visando à manutenção da qualidade dos serviços educacionais.

As escolas também devem criar canais de atendimento efetivos pelos quais os contratantes possam tratar de questões administrativas e financeiras e os alunos possam resolver questões pedagógicas.

Ensino superior – As instituições de ensino superior também poderão utilizar plataformas online de EaD, aplicativos e outras tecnologias, desde que obedecidos os componentes curriculares e seja estabelecida uma metodologia de apuração de frequência e manutenção da carga horária e dias letivos.

Também deverão ser asseguradas alternativas aos estudantes que não podem acompanhar as aulas Ead. Nesse caso, caberá ao aluno a comunicação à instituição de ensino para que, juntos, busquem uma solução. Se for impossível a continuidade, deve-se garantir ao consumidor a possibilidade de cancelamento do contrato, com o reembolso das parcelas ainda não vencidas e eventualmente já pagas.

Se detectada a redução dos custos fixos das instituições, deve haver o abatimento proporcional no valor das mensalidades, devendo ser considerado eventual investimento tecnológico.

As instituições de ensino superior também receberam a recomendação de criar canais de atendimento nos quais os contratantes possam tratar de questões administrativas e financeiras e os alunos de questões pedagógicas.

Profissionalizante – Os cursos técnicos e profissionalizantes também poderão utilizar plataformas online, assegurando alternativas àqueles que não puderem utilizá-las. Em caso de redução de custos, deverá haver abatimento nas mensalidades e, se o serviço não for prestado ou prestado de forma insatisfatória, os interessados poderão fazer o trancamento do curso sem qualquer ônus.

Em todos os casos, os prazos e formas de flexibilização, abatimentos ou reembolso deverão ser tratados diretamente entre contratantes e contratados. Contratos acessórios, como transporte escolar ou esportes, também deverão ser negociados diretamente, podendo haver a suspensão enquanto durar a paralisação dos serviços educacionais presenciais.

Nas situações em que não houver acordo entre as partes, caberá ao Procon a orientação e formalização das denúncias para que seja instaurado processo administrativo.

Jamys Gualhardo é a aposta do PDT à Câmara de São José de Ribamar

Jamys Gualhardo,  trajetória que surgiu mediante demandas das comunidades

O servidor público Jamys Gualhardo, de 34 anos, que desempenha uma importante atuação comunitária na região do Parque Vitória, Jardim Turu, e Araçagy, revela que pretende ingressar na vida pública a partir deste ano, quando concluir o curso de Direito pela Faculdade Pitágoras, de São Luís. Gualhardo diz se espelhar em representantes de comunidades como ele, o qual classifica de “espécie de referencial para os moradores, sobretudo em regiões pobres”.

O bacharel em direito que é titular do blog homônimo — importante ferramenta usada para denunciar o caos e reivindicar melhorias aos bairros do município — será a aposta do Partido Democrático Trabalhista (PDT) de São José de Ribamar à Câmara de Vereadores. A legenda tem como pré-candidato à prefeito, o empresário José Benedito Pinto, mais conhecido como Jota Pinto, que é ex-deputado e ex-secretário de Articulação Política de São Luís.

— Como líder comunitário, eu sempre acompanhei a situação de abandono em que vivem os moradores do Parque Vitória, Jardim Turu, e Araçagy…, bairros da região limítrofe de São José de Ribamar. Com o abandono do Poder Público, eu resolvi reagir e lancei um blog para denunciar o caos em que vivemos. Como líder comunitário, acabo sendo uma espécie de referencial para os moradores. Eu tenho na própria atuação comunitária a inspiração necessária para ingressar na vida pública, pois são os líderes comunitários que assumem perante as pessoas do local onde moram a responsabilidade, o zelo e o cuidado por todas as questões de interesse da comum — declarou ela num bate-papo com o editor do blog.

Jota Pinto é a esperança das comunidades na Prefeitura de Ribamar, diz Jamys

Jamys Gualhardo resolveu mudar de partido no último prazo de filiação para quem pretende sair candidato a prefeito ou vereador nas eleições de 04 de outubro deste ano. Ele diz que pretende se candidatar a vereador no pleito de outubro próximo visando uma das vinte e uma cadeiras do parlamento ribamarense. No próximo ano, a Câmara vai sair das atuais 17 para 21 vagas depois de aprovação de projeto de resolução aprovada na Casa no ano passado. Caso tenha o nome aprovado em convenção partidária e seja eleito, o objetivo dele será turbinar a eficácia de projetos por meio do Legislativo com foco na infraestrutura, educação, saúde, segurança e desenvolvimento econômico e social das comunidades que estão localizadas nas regiões limítrofes.

— O povo ribamarense clama por melhorias, transparência e desenvolvimento. São vários os problemas que afetam o município, problemas estes que são direitos básicos fundamentais de qualquer cidadão, tais como: saúde, educação, segurança, etc. Temos alguns projetos em mente, mas no momento oportuno iremos mostrar à população, uma vez que no momento a legislação não permite. Pretendo trabalhar para melhorar cada vez mais a qualidade de vida da população. No entanto, destaco que o trabalho do legislador é indicar as obras e insistir com o governo para que elas sejam realizadas — disse.

Jamys sempre esteve na luta para melhorar a qualidade de vida dos moradores

Iniciante no meio político, Gualhardo conta que a experiência será “completamente nova”. Mesmo assim, o líder comunitário demonstra empolgação com o novo desafio. A ideia do pré-candidato é tirar do papel projetos direcionados para a área da capacitação e, principalmente, para os jovens.

— Hoje eu percebo um cenário de total descrença política, pois há 20 anos São José de Ribamar está abandonada pelo poder Executivo e Legislativo Municipal. A Câmara pode me ajudar a fazer um serviço mais direcionado, principalmente, para os jovens que hoje muitos estão sem foco e sem orientação profissional — analisa o aspirante a vereador que também é um combatente em relação a má prestação do serviço da BRK Ambiental – concessionária de saneamento básico, se tornando uma espécie de fiscalizador da empresa.

Líder comunitário está em constante luta por desenvolvimento das comunidades

QUEM É ELE?

Conheça o pré-candidato a vereador:

– Jamys Henrique Gualhardo Sousa, servidor público da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT) de São Luís, tem 34 anos. Nascido m São Luís, no dia 03 de julho de 1985, é filiado ao PDT. Líder comunitário e blogueiro, ele é casado, pai e está prestes a concluir o curso de Direito pela Faculdade Pitágoras.

Sua primeira experiência nas urnas foi em 2016, quando lhe despertou o interesse pela política partidária e filiou-se ao Partido Progressista (PP) [que passou a se chamar “Progressistas” em 2019], onde disputou as eleições daquele ano por São Luís e conquistou 516 votos, ficando como suplente na legislatura 2017-2020.

Lazer e cultura também sempre foi uma de suas bandeiras de luta

HISTÓRIA DE VIDA
A história de vida dele é bastante interessante. Morador da região dos Parques, exatamente no Alto do Turu, há mais de 25 anos , ele é filho do policial civil aposentado Aldo Soares e da Tec. Administrativa e professora, Soraya Gualhardo.

Jamys Gualhardo foi criado por Diana Soares e Maria do Socorro, sua avó, sempre com muito esforço, ambas sempre lhe deram educação e carácter como principal instrução de vida. Ele começou a trabalhar muito cedo, aos 11 anos, não por necessidades, mas como espelho de toda sua família, principalmente do seu pai. Ele chegou ao Parque Vitória, passou a vender coco na feira, nas padarias e nos comércios da região.

Entrou na SMTT aos 17 anos como aprendiz e formalmente aos 18. No entanto, aos 21 passou no seu primeiro concurso justamente para o órgão público que lhe abriu as portas para novos horizontes, onde está desde então.

Jamys também tem ações positivas na área do meio ambiente

Aos 22 anos, casou com Mary Reis onde estão juntos há 16 anos. Da relação, nasceram Clara Arielly, de 12 anos e Asaph Pietro, de 1 ano e 4 meses. Mesmo com o tempo corrido, Jamys conseguiu ingressar na faculdade de Educação Física, mas não chegou a concluir. Seu seu maior sonho é ingressar na área de segurança pública, seguindo os passos do seu genitor, para isso, ingressou no curso de Direito da Faculdade Pitágoras onde está concluindo sua graduação faltando apenas colar grau e apresentar a monografia.

TRAJETÓRIA COMO LÍDER COMUNITÁRIO
Sua luta na comunidade começou em março de 2016, quando participou ativamente da maior manifestação que a região já viu, alcançando com os moradores vários anseios. Além disso, participou de outros movimentos, sempre com voz ativam e colhendo benefícios que favor da coletividade.

Líder comunitário em mais uma de suas ações positivas

De 2016 até hoje, serviu como um canal ativo entre a comunidade e o poder público, usando uma importante ferramento: o blog para exposição dos problemas inerentes às comunidades desta região. Ele conta que a população lhe encorajou a buscar uma vaga na Câmara de São José de Ribamar, uma vez que em 2017, uma discussão na Assembleia Legislativa ficou definido que a região do Parque Vitória permaneceria em São José de Ribamar e só haveria volta pra São Luís, após ter um plebiscito entre ambas as populações.

Ele diz que é pré-candidato à vereador de São José de Ribamar na busca de fiscalizar com mais vigor o executivo, fazendo com que mais benefícios possa beneficiar a coletividade.

Jamys, sua esposa e filhos, em momentos de lazer em família

Vereador por duas décadas em São Luís, Astro de Ogum buscará sexto mandato consecutivo pelo PCdoB

O vereador Astro de Ogum oficializou nesse sábado (04), último prazo de filiação para quem pretende sair candidato a prefeito ou vereador nas eleições de 04 de outubro deste ano, a sua chegada ao PCdoB (Partido Comunista do Brasil). A sigla escolhida é a mesma do governador Flávio Dino e do pré-candidato a prefeito, Rubens Júnior.

No novo partido, ele irá formar chapa proporcional com os vereadores Marcelo Poeta, Fátima Araújo, Concita Pinto e Paulo Victor. A legenda espera eleger pelo menos seis parlamentares no pleito de outubro já que terá como pré-candidatos outros nomes de peso como o vice-prefeito Júlio Pinheiro.

Ex-presidente da Câmara, Astro é o decano da Casa com cinco mandatos seguidos. Ele destacou que a escolha pelo PCdoB, representa o caminho certo para a cidade, e garante estar pronto para a caminhada no novo partido em busca de seu sexto mandato consecutivo.

“Depois de conversar com os nossos amigos, dialogar com a nossa comunidade e com a minha família, entendemos que o PCdoB é o melhor caminho para a nossa caminhada em busca do nosso sexto mandato consecutivo”, disse o parlamentar.

TRAJETÓRIA POLÍTICA
O vereador ludovicense completou 20 anos de mandato em 2020. Ele está na vida pública desde 2000. Até hoje, não perdeu nenhuma eleição. Naquele ano, ele fazia sua estréia na disputa para o cargo de vereador pelo PTdoB, conquistando o mandato com 3.243 votos.

De lá pra cá, não perdeu mais nenhuma disputa. Em 2004, foi reeleito com 7.352 votos para o 2º mandato. Em 2008, foi reeleito pela 3ª vez com 5.135 votos. Em 2012, foi vice-campeão nas urnas, com 8.766 votos e reeleito pela 4ª vez. No pleito de 2016, se reelege para o 5º mandato consecutivo com 9.703 votos. Em 2020, está pronto para buscar o sexto mandato consecutivo pelo PCdoB.

QUEM É ELE?

Conheça a história do vereador:

Generval Martiniano Moreira Leite, popularmente conhecido como Astro de Ogum, nasceu em São Bento, no dia 16 de setembro de 1957. Atuando há mais de quatro décadas como pai de santo na capital maranhense, filho de Oxumaré com a cabeça emprestada para Ogum, devido aos seus laços com a Umbanda, o parlamentar diz que o seu ladrilhar foi alicerçado pela proteção de Deus e dos guias.

ORIGEM HUMILDE
Filho do sargento da Polícia Militar, João Francisco Costa Leite, nasceu no município de São Bento, a 301 km de São Luís, na Baixada Maranhense, e foi abandonado pelo pai, juntamente com sua mãe e mais quatro irmãos.

As dificuldades atravessadas pela família fizeram com que viessem morar na capital, e diante da situação, ainda muito pequeno, se viu obrigado a trabalhar para ajudar no sustento da mãe e dos irmãos. Ele passava o dia vendendo picolé, laranja e mariola pelas ruas e praias de São Luís e, na maioria das vezes, dormia nas bancas da feira da Liberdade.

Astro também não esconde que teve tudo para se transformar em um marginal, e reconhece que percorreu um caminho bem diferente dos seus amigos, contudo, nunca abriu mão dos valores e princípios éticos.

HOMEM DA CULTURA
Além da religião e do social, a cultura é outro pilar muito forte na base eleitoral de Astro de Ogum. Em 2015, para saudar a posse do 1º Pai de Santo a comandar o Poder Legislativo no País, o pátio da Câmara de São Luís foi invadido por vários grupos folclóricos de tambor de crioula e blocos tradicionais.

Apesar do estereótipo traçado por muitos, levando em conta o jeito sisudo do parlamentar, é o lado humano e bondoso que sempre fez questão de alimentar.

Mulheres são maioria dos infectados por Covid-19 no Maranhão

O novo coronavírus (Covid-19) tem infectado mais mulheres que homens no Maranhão, é o que informa boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) na noite de ontem (4).

Segundo o documento, dos 96 casos já confirmados no estado, 50 (52%) são mulheres, e 46 (0u 48%) são homens.

O vírus tem infectado, também, mais pessoas entre 30 e 39 anos, ainda de acordo com o mesmo boletim. Os dois óbitos, contudo, são de pessoas acima dessa faixa etária: um homem de 49 anos e uma mulher de 88.

Teimosia continua e entrada das praias são bloqueadas

O secretário de Saúde, Carlos Lula disse hoje cedo que as entradas da avenida Litorânea tiveram que ser bloqueadas.

É que muita gente ainda continua saído de casa e indo para as praias em São Luís mesmo com o avanço da pandemia do novo coronavírus no Maranhão.

Além dos bares, algumas pessoas idosas com crianças continuam fazendo passeios na Litorânea.

Lula disse que é “teimosia demais” e reforçou o apelo para que as pessoas fiquem em casa.

“As entradas da Litorânea tiveram de amanhecer assim, com acesso proibido. Não teve jeito, teimosia demais. Fiquem em casa!”, afirmou.

É isso. Ou as pessoas entendem que a situação é grave e não saiam de casa ou os números do coronavírus vão crescer ainda mais rápidos no Maranhão.

#fiquem em casa.

Diferente do que se pensava, povoado Santa Luzia pertence a Santa Rita, diz IBGE

Em resposta a um oficio da prefeita de Bacabeira, Fernanda Gonçalo (PMN) sobre os limites territoriais de alguns povoados que fazem fronteira com os municípios vizinhos, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), disse em documento enviada à chefe do executivo bacabeirense, que o povoado Santa Luzia, nas proximidades do Sistema Italuís, pertence à Santa Rita e não ao município de Rosário, como algumas pessoas imaginavam.

Em resposta à prefeita Fernanda, IBGE diz que Santa Luzia é povoado de Santa Rita

Com a novidade, as Prefeituras de Bacabeira e Santa Rita iniciaram uma série de medidas que beneficiaram aquela comunidade. As ações compartilhadas só foram possíveis graças a um Termo de Cooperação Técnica, assinado pelos dois municípios. A iniciativa de buscar soluções compartilhadas ajudou a mudar a realidade das famílias da localidade.

DOCUMENTO
Clique aqui e baixe o mapa digital mostrando os limites territoriais de Santa Rita com os municípios de Bacabeira, Rosário, Anajatuba e Itapecuru

“Indefinição territorial sempre foi um problema para as comunidades que estão localizadas nas regiões limítrofes na maioria dos municípios. Foi por conta dessa situação, que eu e o prefeito Hilton Gonçalo (Santa Rita), assinamos um Termo de Cooperação Técnica que acabou beneficiando, com ações compartilhadas, o povoado de Santa Luzia e outras localidades limítrofes entre as duas cidades”, destacou a prefeita Fernanda em contato com o blog.

Fernanda também comentou o ofício enviado pelo IBGE à Prefeitura de Bacabeira. Segundo ela, o documento do instituto ajuda a esclarecer uma informação equivocada e acaba com uma indefinição que prejudicava a vida da população. “Diferente do que se pensava, o povoado Santa Luzia pertence, sim, a Santa Rita. O IBGE é um grande agregador de informações dos limites territoriais”, finalizou a prefeita.

Cidadania, de Eliziane Gama, declara apoio a Rubens Júnior

O Cidadania, partido comandado pela senadora Eliziane Gama no Maranhão, fechou nesta semana apoio à pré-candidatura de Rubens Júnior (PCdoB) à Prefeitura de São Luís.

Este é o terceiro partido a confirmar adesão ao projeto comunista na capital em 2020.

Um dos articuladores do acerto político foi o marido a senadora, o empresário Inácio Melo. Ele derrotou internamente uma ala do Cidadania que defendia apoio ao ex-juiz federal Carlos Madeira, pré-candidato do solidariedade.

O magistrado aposentado teve um almoço com Eliziane e aliados no início do mês de março.

Além do Cidadania, já confirmaram apoio a Rubens Júnior o Progressistas (PP), comandado pelo deputado federal André Fufuca, e o Democracia Cristã, antigo PSDC.

Flávio Dino confirma segunda morte por Covid no Maranhão

Foto: Sérgio Lima/PODER 360

O governador Flávio Dino (PCdoB), confirmou, nas redes sociais, o segundo óbito no Maranhão de paciente vítima do novo coronavírus.

“Temos agora, 18h24 de sábado, 96 casos confirmados e 2 óbitos no Maranhão”, escreveu.

Flávio Dino não informou idade, sexo e nem as condições e o local da morte do paciente.

Segundo Flávio Dino que segue priorizando as informaçães no seu perfil pessoal do twitter, antecipando inclusive, os boletins oficiais da Secretaria de Saúde do Maranhão (SES), até agora 96 casos confirmados do novo coronavírus e dois óbitos em todo o estado.

A primeira morte de paciente com o novo coronavírus no Maranhão havia sido registrada no domingo (29) de março.