Casos de explosões a bancos aumentam no Maranhão

Spread the love

Após uma expressiva queda entre 2016 e 2017, e uma estagnação nos últimos anos, os casos de arrombamentos e explosões a bancos e caixas eletrônicos voltou a subir em 2019, no Maranhão. É que aponta o levantamento divulgado pleo Blog do Maurício Araya.

Este ano foram 23 casos registrados no período, contra 14 registrados em 2018, segundo dados do Sindicato dos Bancários do Maranhão (Seeb-MA). O levantamento leva em consideração todos os casos registrados pela imprensa.

A capital maranhense, São Luís, registrou o maior número de casos de arrombamentos (7), seguida de Tutoia, Santa Helena e São Bernardo.

Em 2019, os assaltos a bancos registraram queda: 2 casos, contra 3 em 2018; já as saidinhas bancárias aumentaram: de 3, em 2018, para 4, em 2019.

Se somados os casos de tentativas de assalto a banco, arrombamento ou explosão a agência bancária e saidinha bancária, o total é ainda mais assustador: subiu de 24, em 2018, para 38, em 2019.

Em 2018, uma lei aumentou a pena, em dois terços, para modalidades de roubo e furtos com o uso de explosivos no Brasil e obrigou os bancos a instalar dispositivos que inutilizassem cédulas dos caixas eletrônicos em caso de explosão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *